Notícias
"Viver é nascer lentamente." Antoine de Saint-Exupéry

Dezembro 2010

Quatro Leis de Espiritualidade2010-12-29

Quatro Leis de Espiritualidade

Na índia são ensinadas as "Quatro leis da Espiritualidade"

A primeira diz:

“A pessoa que vem é a pessoa certa”

Significando que ninguém entra na nossa vida por acaso, e que em todas as pessoas ao nosso redor, que interagem connosco, há algo para nos fazer aprender e avançar em cada situação.

 

A segunda lei diz:

“O que aconteceu? A única coisa que poderia ter acontecido”

Nada, nada, absolutamente nada que acontece nas nossas vidas poderia ter sido de outra forma. Mesmo o menor detalhe. Não há nenhum “se eu tivesse feito tal coisa …, aconteceu que um outro …”. Não! O que aconteceu foi tudo o que poderia ter acontecido, e aconteceu para nós aprendermos a lição e seguirmos em frente. Todas e cada uma das situações que acontecem nas nossas vidas são perfeitas.

 

O terceiro diz:

“Todas as vezes que você der início a alguma coisa, é o momento certo”

Tudo começa na hora certa, nem antes nem depois. Quando estamos prontos para iniciar algo novo nas nossas vidas, é quando as coisas acontecem.

 

E o quarto e último:

“Quando algo termina, ele termina” 

Simplesmente assim. Se algo acabou nas nossas vidas é para a nossa evolução, por isso é melhor sair, ir em frente e seguir em frente e enriquecer-se com a experiência. Acho que não é por acaso que estão a ler isto, se este texto aparece hoje na nossa vida, é porque estamos preparados para entender que nenhum floco de neve cai sempre no lugar errado!

 

Viver bem o amor com toda a alma e ser extremamente feliz!

 

Marcos Brenelli

Centro de Tecnologia Quântica

As coisas sempre foram assim...2010-12-28

As coisas sempre foram assim...

As coisas sempre foram assim março 8, 2010

Posted by mbrenelli in Nova Visão. 

Um grupo de cientistas colocou cinco macacos numa jaula, em cujo centro havia uma escada e sobre ela um cacho de bananas. Quando um macaco subia na escada para tirar as bananas, os cientistas jogavam um jato de água fria nos que estavam no chão. Depois de certo tempo, quando um macaco ia subir a escada, os outros agarravam-no e batiam nele. Após algum tempo, mais nenhum macaco subia a escada, apesar da tentação das bananas. Então, os cientistas substituíram um dos macacos por um novo. A primeira coisa que ele fez foi subir a escada, dela sendo retirado pelos outros, que o atacaram. Após algumas lutas, o novo integrante do grupo não subia mais a escada. Um segundo foi substituído, aconteceu a mesma coisa, tendo o primeiro substituto participado com entusiasmo nos ataques ao novato. Um terceiro foi trocado, e a situação repetiu-se. Um quarto, e , finalmente, o último dos veteranos foi substituído. Os cientistas, então, ficaram com um grupo de cinco macacos que, mesmo nunca tendo tomado um banho frio, continuavam batendo naquele que tentasse ir buscar as bananas. Se possível fosse perguntar a algum deles por que eles batiam em quem tentasse subir a escada, com certeza a resposta seria: - Não sei, mas as coisas sempre foram assim por aqui.

Fonte: As Parábolas na Empresa

Organização: Alexandre Rangel

Retirado de: http://ctq2010.wordpress.com/?s=terapia+quantica&searchbutton=go!

Máquina Quântica escolhida a descoberta do ano2010-12-28

Máquina Quântica escolhida a descoberta do ano

FRANCE PRESSE

A criação do primeiro ponto de intersecção entre o universo quântico do infinitamente pequeno e o mundo visível, por uma equipe de físicos americanos, foi considerada a descoberta científica mais significativa de 2010 pela revista americana "Science" --o assunto foi revelado em março pela revista britânica "Nature".

Esta é a primeira vez que cientistas demonstraram que os efeitos da mecânica quântica poderiam ser aplicados a um objeto visível, escreveu a "Science".

O universo quântico vê os átomos responderem a regras imprevisíveis, enquanto que no vísível, não. Assim, segundo as leis de Newton, uma maçã cairá sempre da árvore no chão.

Mas os físicos Andrew Cleland e John Martinis, da Universidade da Califórnia (EUA), conseguiram com uma máquina demonstrar que o mundo visível poderia também sujeitar-se à mecânica quântica, abrindo caminho a aplicações potencialmente revolucionárias.

Os cientistas puderam obter um efeito quântico numa haste de metal grosso o bastante para ser observado a olho nu, formado por uma camada de nitreto de alumínio entre duas camadas de alumínio puro.

Na experiência, os pesquisadores americanos puderam, com a ajuda de um microcircuito elétrico supercondutor, que não oferece nenhuma resistência a temperatura muito baixa, fazer com que sua máquina oscilasse e não oscilasse ao mesmo tempo, num "estado superposto" do universo quântico no mundo do visível.

Esta "primeira máquina quântica" de 30 mícrons de comprimento (um mícron equivale a um milionésimo de milímetro) é formada por materiais semicondutores que permitem tentar criar estados ditos "superpostos" comuns no universo quântico.

Este estado aparentemente contraditório se produz simultaneamente. Um exemplo é que, no universo quântico, o eixo de rotação de uma molécula pode ser orientado em duas direções diferentes ao mesmo tempo

Retirado de: http://noticias.bol.uol.com.br/ciencia/2010/12/17/mundo-visivel-tambem-se-sujeita-as-regras-quanticas-descobrem-fisicos-americanos.jhtm. 28.12.2010

                        France Presse